ILHA DE MAIORCA, Espanha

Chopin condensou todas as maravilhas da ilha numa só frase quando afirmou “Um céu azul-turquesa, um mar como lápis-lazúli, montanhas de esmeralda, ar do paraíso”. Isto é Maiorca.




Próximo de Portugal, a Ilha de Maiorca é um destino fantástico, que permite desfrutar de momentos aliciantes de lazer e diversão, caracterizados pela presença de maravilhosas praias!
Aliás, a maior parte dos cinco milhões de pessoas que visita Maiorca anualmente procura essencialmente três coisas: sol, praia e mar. No entanto, em Maiorca há muito mais para se ver, incluindo a capital, Palma, com vielas que relembram uma medina, flanqueadas por edifícios de pedra ocre, e uma singular catedral gótico-gaudiana. A oeste da cidade, a linha da costa eleva-se e transforma-se em colinas rochosas. As maravilhosas mansões antigas de Cala Mayor e a Casa Miró apresentam um mundo muito diferente da animada vida noturna das zonas mais turísticas.
A costa noroeste de Maiorca não tem nada a ver com o turismo de massas do outro lado da ilha. Dominada pela serra de Tramuntana, apresenta uma bonita zona de oliveiras, pinheiros e pequenas aldeias com casas de pedra. Há algumas rotas recomendáveis para quem vai de automóvel: a aterrorizante estrada que desce até ao pequeno porto de Sa Calobra e o surpreendente percurso pela península, que leva até ao extremo norte da ilha, o Cap Formentor. Se não se tem carro, pode apanhar-se o comboio de Palma a Sóller, para fazer uma das excursões mais populares e espectaculares da ilha. Sóller é, também, o melhor ponto de partida para realizar excursões a pé, por exemplo, até à povoação de Dejá. Quase todas as melhores praias da ilha foram ocupadas por urbanizações para turistas, mas há excepções, como a encantadora Cala Mondragó, na costa sudeste, a atractiva aldeia portuária de Cala Figuera e a praia próxima de Cala Santanyi.
Pode visitar a magnífica Catedral de Palma, o Castelo de Bellver, o Parque del Mar, Manacor, o MercadoOlivar, o Pueblo Español, a Lolta, os banhos árabes, a Câmara Minicipal e, claro, não se esqueça de fazer uma viagem entre Soller e Palma. Não vá embora de Palma sem fazer pelo menos uma destas coisas.


O PLANO...

Escolher um destino de férias com praia, calor e barato! :) Assim foi, escolhemos Ilha de Maiorca para descansar 10 dias....
Fizemos uma pesquisa simples e facilmente encontramos um voo Porto - Mallorca a preço convidativo (73€/pp ida e volta). Pode pesquisar voos em:








Copenhagen Image Banner 468 x 60






Mais uma pesquisa por alguns sites de alojamento e finalmente, depois de muita indecisão, encontramos um hotel na zona que queríamos ficar (Santinyi).
Pode pesquisar e reservar em:













Finalmente, alugar carro!! Se vai estar em Maiorca, o melhor é alugar carro! Garanto.
Os preços são super baratos e compensa bastante :) assim pode visitar outros cantos da ilha sem se preocupar em transporte público ou gastar constantemente dinheiro em excursões.
Pode pesquisar em:





Se quer a sua vida facilitada, pode pesquisar um pacote! :)








Agora, o nosso guia....


O QUE VISITAR
*********************************************************************************************
Em Mallorca não podemos apenas desfrutar das magníficas praias, mas também centros de lazer, parques naturais e da fauna aquáticas, deslumbrantes grutas naturais, mansões, mundialmente famosos vestígios arqueológicos, visitas guiadas, etc. A oferta de lazer e cultural que vai cumprir os mais variados gostos.
Alternativas para buscar vida noturna também são vários. A variedade de restaurantes e clubes para tarde da noite é extensa, nas Ilhas Baleares. Em Maiorca, a ilha de calma, você pode encontrar lugares para tomar um drinque até as primeiras horas da manhã.


Cidade de Palma de Maiorca
Palma de Mallorca é a capital da ilha de Mallorca e é um destino ideal para férias de verão. A cidade está localizada no sudoeste, abraçando a costa. Foi fundada pelo cônsul romano Quintus Cecílio Metelo em 123 AC. Desde então, tem sido objeto de disputas entre as nações e foram construindo muitos monumentos que permanecem no presente e se transformou na cidade que encontramos hoje em dia.
Esta é a porta de entrada na ilha e também é aqui e arredores que a maior parte dos turistas vêm. A cidade, é ela própria encantadora. A não perder aqui passeios pela cidade, tomar um café numa das esplanadas no Passeig Des Born, uma visita à Catedral e à Basilica de Sant Francesc, uma visita ao Bays Árabs.
A melhor maneira de ver a cidade velha é a pé, pode percorre-la num só dia, apreciar as pequenas praças que ornamentam o lugar, parques, bares onde podes saborear algumas tapas e bebidas durante todo o dia.




As principais cidades depois de Palma Maiorca, por número de habitantes e por atividade económica são Manacor e Inca. Inca é um lugar que é conhecido pela sua industria do calçado e pelos seus produtos provenientes de Marrocos, além de ser uma vila conhecida pela festa do Dijous Bo. Manacor é uma cidade famosa por ser o principal lugar desta zona no que diz respeito à produção e venda de pérolas artificiais, além de ser também o berço de alguns desportistas famosos de Espanha.
Poderás visitar estes locais, assim como outras vilas e cidade por estrada ou se preferires poderás utilizar as linhas de transportes públicos que saem desde a praça de Espanha de Palma de Maiorca.


Passeig des Born
Por mais de um século, esta avenida arborizada tem estado no centro da vida da cidade, que tem assistido a festas, manifestações e inúmeras gerações de famílias desfrutando de um passeio nocturno. O passeio central apresenta música e dança durante muitas festas em Palma. Venha aqui para sentir o pulso da Palma no Bar Bosch (perto da Placa Rei Joan Carles I) que é o lugar tradicional.




Morada: Palma de Mallorca, Majorca, Espanha


Catedral de Palma de Mallorca ou Le Seu
Em Palma, também há tempo para a cultura. Uma visita à Catedral de Palma, também chamada de "La Seu", é uma boa opção. É o maior templo cristão da ilha data de 1229, quando o rei Jaime I «El Conquistador» decidiu derruir a mesquita para construir uma catedral dedicada à virgem. É de estilo gótico levantino e não foi concluído até início do século XVII, exceto a fachada principal e partes do interior, que foram renovadas por António Gaudí. Dispõe de três estâncias que fazem de museu, nas que se podem admirar uma rica coleção de obras de arte religioso e objetos a preços de ouro e prata, incluídos dois candelabros incríveis.




Morada: Plaza Almoina, s/n
Horário*:
De Abril a Maio e Outubro:
De Segundas-feiras a Sextas-feiras: das 10.00 às 17.30 h
De Junho a Setembro:
Das 10.00 às 18.30 h
De Novembro a Março:
Das 10.00 às 15.15 h.
Todo o ano, Sábados: das 10.00 às 14.30 h.


El Ayuntamiento (Câmara Municipal)
Este edifício, no seu exterior do séc. XVII e no seu interior do séc. XIX era a sede dos Jurados, braço executivo do antigo Reino de Maiorca. No seu interior, destaca a coleção de pintura, sobre todo a galeria de varões ilustres do Reino de Maiorca.
Morada: Plaza de Cort




Castillo de Bellver
O Castelo de Bellver é um dos lugares que deve visitar durante as suas férias nesta ilha. É o único castelo em Espanha com uma forma circular, tendo sido construído em 1309.
Encontra-se no Bosc de Bellver, na Ilha de Maiorca. Inicialmente, este castelo foi usado como residência de Verão. Depois, foi uma prisão. Hoje, ainda podemos ver as pinturas feitas nas paredes pelos prisioneiros franceses durante a guerra.
O Castelo de Bellver acolhe também o principal museu de Palma, sendo um local onde decorrem variados concertos. O Castelo encontra-se encerrado aos domingos e feriados. A entrada é paga, mas o preço é simbólico.




Morada: Camilo Jose Cela, Palma de Mallorca, Majorca, Espanha
Horário:
De Outubro a Março:
Dias Úteis: das 08.00 às 20.00 h.
Domingos e Feriados: das 10.00 às 17.00 h
De Abril a Setembro:
Dias Úteis: das 08.00 às 21.00 h.
Domingos e Feriados: das 10.00 às 19.00h.

  
Llotja / Lonja de Palma
Uma das obras-primas da arquitetura gótica em Maiorca do século XV. Este magnífico edifício encontra-se em frente ao “paseo marítimo”. A Llotja foi desenhada pelo arquitecto Guillem Sagrera, o homem que desenhou o Portal del Mirador, na Catedral.
Esta construção data do século XV e é difícil de classificar. Parece uma mistura daquilo que foi um castelo e uma igreja. Aparentemente, não é nenhuma das duas coisas, tendo sido desenhada pelas mudanças da cidade.
De qualquer modo, a construção é espetacular, com duas grandes torres, pilares em espiral, imagens e formas que fazem viajar atrás no tempo, sendo fácil de imaginar como era a vida há 500 anos e como se trocavam produtos e géneros por prata. Atualmente, a Llotja é centro cultural, onde, de tempos a tempos, também pode assistir a algumas exibições.




Morada: Plaça de la Llotja, s/n
Horário: (Aberto só quando há exposições: De Terças-feiras a Sábado: das 11.00 às 14.00 h e das 17.00 às 21.00 h; e Domingos e Feriados: das 11.00 às 14.00 h)


Palácio Real de la Almudaina
Este palácio, construído no ano de 1300, acolhe, entre os seus muros, a história da ilha. No princípio era um castelo muçulmano que foi convertido na sede da Coroa de Maiorca a partir do século XIII. Hoje em dia é utilizado pela Sua Majestade o Rei de Espanha como residência oficial para cerimónias do Estado e receções durante o verão. Tem uma coleção de retratos de monarcas espanhóis, tapeçaria flamencos e móveis da época.




Morada: Carrer del Palau Reial, s/n, Palma de Mallorca, Majorca, Espanha
Preço: 9€
Horário:
De Outubro a Março:
Dias Úteis: das 10.00 às 13.15 h e das 16.00 às 17.15 h
Sábados e Feriados: das 10.00 às 13.15 h.
De Abril a Setembro:
Dias Úteis: das 10.00 às 17.45 h
Sábados e Feriados: das 10.00 às 13.15 h.



Es Baluard - Museo de Arte Moderno y Contemporáneo de Palma
Um dos principais objetivos deste museu é trazer a arte moderna e contemporânea internacional para os visitantes. O centro reúne uma diversificada coleção de pinturas, desenhos e esculturas de artistas associados com as tendências mais significativas internacionais desde o final do século XIX. Assim, é possível contemplar peças de autores como Cézanne, Gauguin, Picasso, Miró, Magritte, Polke, Barceló ou Schnabel.
Além da coleção permanente, o museu desenvolve um programa de exposições temporárias.
Morada: Plaza Porta de Santa Catalina 10
Horário:
de Terça-feira a Sábado
Horário ininterrupto
de 10:00 a 20:00
Feriados e Domingos
de 10:00 a 15:00
Dias de encerramento: Segunda-feira
Período de fecho: 01 Jan
Período de fecho: 25 Dez
Preço: 6€; Dias abertos: 6 e 20 de Janeiro, todos os fins de semana de fevereiro, 01 de março, 1 e 18 de Maio, 29 de Junho, 12 de Setembro, 12 de Outubro e 6 de Dezembro.
Horários e preços: aqui.
  

De 1956 até sua morte (em 1983), Joan Miró viveu na ilha de Mallorca, onde desenvolveu um trabalho rico criativo.
O museu é composto, principalmente, das muitas obras doadas pelo artista. As peças da coleção incluem, sobretudo, pinturas, desenhos e gravuras, entre outros materiais.
Morada: Calle Joan de Saridakis 29
Horário:
De 16 Mai a 15 Set
de Terça-feira a Sábado
Horário ininterrupto
de 10:00 a 19:00
Feriados e Domingos
de 10:00 a 15:00
De 16 Set a 15 Mai
de Terça-feira a Sábado
Horário ininterrupto
de 10:00 a 18:00
Feriados e Domingos
de 10:00 a 15:00
Dias de encerramento: Segunda-feira
Preço: 6€, Entrada gratuita aos sábados; dias de porta aberta: 18 de maio, 24 de junho e 19 de dezembro.

  
BasIlica De Sant Francesc
A Igreja e Convento de San Francisco, construídos a partir do Século XIII são algumas das principais referências de estilo gótico de Palma de Maiorca. No interior encontrarás toda uma coleção de obras de arte e móveis barroca. Salienta o claustro pela sua grande beleza
Morada: Plaza de San Francisco, 7


Palau Oleza
O mais interessante deste palácio é o pátio, de finais do séc. XVII, já que neste se conjugam todos os elementos que posteriormente darão lugar aos pátios das casas de Palma.
A primeira coisa que reparamos são os arcos, que se destinam a iluminar a estrutura, que assentam em colunas de mármore jônicas. A fachada do edifício é Renascimento. Ele tem uma rica ornamentação em que destacamos o seu portal principal, com seu arco. A casa é composta de três andares, com janelas exteriores de diferentes tamanhos.
Morada: Carrer d'en Morey, 33


Baños Árabes (Banhos Árabes)
Localizado nos jardins da residência de Can Fontirroig, os banhos árabes dos séculos X e XII, são uma assinatura do passado árabe que tem a história de Palma de Mallorca. Trata-se de um dos poucos restos da arquitectura muçulmana que se conservam na ilha.
Esta sala quadrada contém 12 colunas que suportam uma cúpula com várias aberturas redondas. Esta sala estava destinada aos banhos quentes e foram construídos no século XI. Muito provavelmente formavam parte do palácio de algum nobre muçulmano.




Morada: Carrer Serra, 7, Palma de Mallorca, Majorca, Espanha
Horário:
De Abril a Novembro: das 09.30 às 20.00 h.
De Dezembro a Março: das 09.30 às 19.00 h.


Situado no centro da cidade de Palma, perto da Catedral e o Palácio da Almudaina. Esta mansão, propriedade da fundação Bartolomé March, conta com uma coleção de escultura moderna exposta nos jardins, o que inclui “piças” (espadas) de Auguste Rodin, Henry Moore e Eduardo Chillida, assim como muralhas de Josep Maria Sert no interior da mansão. Assim como, organizam eventos culturais e concertos.
Morada: Carrer de Sant Miquel, 11
Horário:
De Abril a Outubro:
De Segundas-feiras a Sextas-feiras: das 10.00 às 18.30 h
De Novembro a Março:
Das 10.00 às 18.00 h.
Sábados: das 10.00 às 14.00 h.
  

Trata-se de um centro cultural com a reconstrução de quase 100 dos monumentos mais conhecidos em Espanha. Este complexo, construído entre 1965 e 1967 pelo arquiteto Fernando Chueca Goitia, é uma viagem cultural por toda Espanha sem mover-nos da cidade de Palma. Aqui podem-se apreciar os costumes populares das diferentes zonas de Espanha, além de desfrutar do artesanato e a gastronomia tradicional. Também é possível visitar os monumentos típicos, bares e restaurantes de cada região, inclusive caminhar pelas ruas e praias de Sevilha, Granada, Toledo, etc. Como se realmente estivesse ali.
Morada: Carrer del Poble Espanyol, 39
Horário:
Segundas-feiras: das 09.00 às 20.00 h
De Terças-feiras a Quintas-feiras: das 09.00 às 02.00 h
Sextas-feiras: das 09.00 às 04.00 h
Sábado: das 09.00 às 05.00 h.
Domingo: das 09.00 às 24.00 h.
  

Este museu oferece uma coleção permanente de obras de arte espanhola do século XX, de autores das primeiras vanguardas como Joan Miró, Juan Gris ou Salvador Dalí, além dos movimentos inovadores de meados do século e das novas gerações. Trata-se de um edifício do século XVIII, de estilo regionalista com aspetos de inspiração modernista.
Morada: Sant Miquel, 11
Horário: de Segundas-feiras a Sextas-feiras: das 10.00 às 18.30h; Sábados: das 10.30 às 14.00h


Parque Natural de Sa Dragonera
Sa Dragonera pertence ao Conselho de Mallorca desde 1987, mas foi só em 1995 que o Governo das Ilhas Baleares aprovou a declaração de Parque Natural para garantir a conservação deste espaço e torná-lo disponível para todos que querem saber. É uma ilha separada por um estreito canal, que é geologicamente uma continuação da Serra de Tramontana.
A sua visita é feita através de uma estrada ou caminho que corre ao longo de todo o comprimento. Quase toda a sua costa é formada por escarpas íngremes, especialmente no noroeste. É quase virgem, daí o elevado valor ecológico do ecossistema. A vegetação é baseada em espécies mediterrânicas, como alecrim, urze, oliveira selvagem, Lycium, palma das falésias, etc. É notável a existência de diversas espécies endêmicas, como a Hyperion Baleares "pa porci", o "Sipthorcia Africano" ou "Launea cervicornis". Entre os répteis, há que mencionar o lagarto Balear.

Visitas guiadas a Sa Dragonera: ver aqui.


Parque Natural de Mondragó
A vegetação da área destaca-se pela sua diversidade e sua fauna é particularmente interessante para aves aquáticas.
Este parque natural tem campos de cultivo, zimbro e comunidades de dunas. Também conhecido pelas suas falésias de mar!




Parque Nacional del Archipiélago de Cabrera
Se está em Palma de Maiorca não deixe de visitar o Parque Nacional del Arquipélago de Cabrera, um dos ecossistemas melhor preservados do mediterrâneo. Diversidade de espécies de aves, fundos marinhos e golfinhos, que fazem do parque um lugar inesquecível.
Excursão: ver aqui.


Cavernas
A natureza nas Ilhas Baleares oferece uma beleza espetacular, não só na paisagem, mas também "sob ela". Ao longo dos séculos as águas esculpiram fantásticas formações que surpreendem os visitantes.
O subsolo das Ilhas Baleares tem uma beleza comparável à superfície. As cavernas naturais que surpreenderam os seus descobridores modernos, serviram de refúgio para os animais ou habitantes pré-históricos. A luz artificial revela-nos um espetáculo dessas catedrais naturais de pedra esculpidas pela água durante milênios.



Cavernas em Maiorca:

Cuevas del Drac

Cuevas de Artà

Cuevas de Campanet

Cuevas dels Hams



Serra de Tramuntana
Estas montanhas são o paraíso dos caminhantes, com vários percursos que oferecem vistas fantásticas das falésias que se precipitam no mar, dos socalcos de olivais e limoais, e das cidades e aldeias históricas aninhadas nas colinas. A sua natureza especial, as montanhas e estradas que se mantiveram praticamente inalterados por séculos, fez da Serra deTramuntana património de todos, sendo reconhecida como património mundial pela UNESCO.


Andratx
Uma cidade a oeste de Palma, num vale de amendoeiras, salpicando a encosta com as suas casas brancas e ocre e afastada do seu porto para maior segurança contra ataques piratas. Às quartas-feiras há mercado, sendo portanto um bom dia para visitar a cidade. Nas proximidades pode visitar La Granja de Esporles, uma quinta ou possessicó como é chamada localmente. Aqui mostra-se como era vida no campo em Maiorca.


Valldemossa
Foi um destino de alguns ilustres visitantes, como Chopin e George Sand, que se alojaram na Real Cartuja de Jesús de Nazaret, outrora um mosteiro, hoje uma pousada Um edifício muito bonito rodeado de jardins encantadores. Esta linda cidade de calçadas, casas vetustas e mansões impressionantes atrai muita gente, mas nem por isso deve deixar de a visitar.
A aldeia histórica de Valldemossa contém o conhecido mosteiro que foi outrora o lar de Chopin.


Deià / Deya
Localizada na cordilheira da Serra de Tramuntana, Deià ou Deya é talvez a aldeia maiorquina mais conhecida. Aqui viveram escritores, como Robert Graves. Está idilicamente assente na escarpa do Puig de Teix. Na pacata aldeia de Deià, à beira-mar, viveu o famoso poeta Robert Graves.
Preserva a arquitetura (intocável), a vista soberba sobre o mar e para as montanhas, com uma pequena praia, e o clima soalheiro, aquela luz branca e delicada continua a atrair os pintores e fotógrafos!


Sóller
Vá a Sóller de comboio!
A bela cidade ocre cujo ar gaulês é resultado das trocas comerciais com França no séc. XIX . Sóller é uma cidade localizada na costa noroeste de Maiorca. Está situado em um vale verde cercado pelas montanhas mais altas de Maiorca. Grande parte da cidade é residencial e agrícola: é cheio de laranja, limão e olivais.
A cidade tem uma bela praça e muitos dos edifícios são de interesse arquitetónico. Há uma bela igreja no centro da Soller, que foi construída por um dos alunos de Gaudí.
Uma das atrações é uma espetacular viagem feita no comboio que liga Palma à cidade e ao Porto de Sóller.




Em Sóller, pode ainda visitar o Jardí botànicde Sóller.

Pode ir:
Carro (Sóller fica a 20 km de carro ao norte de Palma de Mallorca na rota MA-11. Pode conduzir através do túnel do pedágio ou ir até o topo da Soller de Coll. Depois de chegar em Soller, estacione o carro e continue a pé, pois as ruas estreitas da cidade não são favoráveis ​​à condução)
Comboio (O Ferrocarril Sóller sai da Plaza de Palma d'Espanya seis vezes por dia. Os bilhetes são 10,00€ (ida) e 17€ (ida e volta) e podem ser comprados na estação meia hora antes do comboio partir. A viagem de comboio é lenta, levando mais de uma hora, mas é panorâmica, com vistas maravilhosas sobre as montanhas de ambos os lados do túnel.)



Pollença
ADOREI! Não consigo sequer passar a mensagem e o sentimento que tivemos quando lá chegamos! Uma vila pequena mas lindíssima!
Toda ela transpira amor, luz e harmonia. Visitem-na mesmo ao final do dia e aproveitem para jantar numa das suas praças.









FESTAS E ESPECTÁCULOS
*********************************************************************************************


FESTAS em Setembro:

Diada de Mallorca
O dia de Maiorca acolhe diferentes atividades tais como concertos, conferencias e actividades desportivas, tanto em terra como no mar. Em 12/setembro celebra-se a Diada de Mallorca em comemoração do juramento que o Rei James II fez em 1276 da 'Carta Franqueses i privilegis del Regne de Mallorca'. Esta carta foi um conjunto de direitos que o rei concedeu ao reino de Mallorca e se tornou a base jurídica da comunidade.

Fiestas del rey Jaume I @ Calvià
O município de Calvià e da Associação de Moradores de Santa Ponsa colaboram na organização das celebrações, que incluem um vasto programa de atividades que combinam história, cultura popular, arte, atividades de lazer e música.
Desde 1929 que se celebra as festas do desembarque do rei James I, o Conquistador, na ilha de Mallorca, especialmente na baía de Santa Ponsa. Calvià oferece aos moradores e visitantes um vasto programa de eventos com atividades para todas as idades e preferências, desde concertos a workshops, mercados medievais e procissões, desfiles de gigantes e bigheaded.
Estas festas acontecem na primeira quinzena de setembro.

Fiestas de la Beata @ Santa Margalida
É uma das festas mais populares na ilha de Mallorca, e a procissão da Irmã Beata Catarina Tomás foi declarada uma atração turística. Esta celebração tem lugar na cidade de Santa Margarida no primeiro fim de semana de setembro.
Embora o programa de festivais e atividades abrangem vários dias, o sábado é chamado Dissabte de la Beata, que é quando se realiza a oferenda de flores no monumento da santa e à noite realiza-se uma festa popular.
No dia seguinte, o Diumenge de la Beata, é o dia principal das celebrações. À noite, há uma procissão folclórica-religiosa envolvendo camponeses e carros alegóricos retratando várias cenas da vida do santo.

Fiesta del Pare Serra @ Petra
O terceiro domingo de setembro, Petra faz homenagem a um de seus vizinhos mais ilustres.
Há um desfile de carros alegóricos com imagens da vida do Beato e uma oferenda floral, juntamente com outras atividades, as ruas desta pequena cidade ficam repletas de pessoas.



ESPETÁCULOS em Setembro:

Um show com jantar tem o propósito de o entreter no meio de alguns piratas do Mediterrâneo com os seus vários números acrobáticos e de dança.
Morada: Sa Porrassa, 12 07181 Magaluf (Calvià)
Preço: de 35€ a 80€

Uma boa alternativa para a noite é o show com jantar enquanto assiste ao espetaculo Fogueró.
Uma orquestra ‘acompanha’ o jantar e depois ‘acompanhará’ o espetáculo que nos oferece uma grande variedade de números de dança, cantores, acrobatas, etc. Uma noite agradável de entretenimento para todos.
Morada: S'Aranjassa km. 10,800
Preço: varia entre 38€ e 75€
  


PRAIAS
*********************************************************************************************

Começo por dar a informação mais valiosa de todas: as melhores praias não estão em Palma ou Megaluf. Na verdade, essas são as menos interessantes (a todos os níveis). As melhores estão na zona Ses Salines e Santanyi. Esta zona é das mais caras em termos de estadia, mas vale cada cêntimo dado pelas praias paradisíacas que vai encontrar.

Ficam aqui as melhores:










Ses Covetes (a minha preferida! fantástica e digna de qualquer paisagem... vai adorar!)






Es Trenc (a minha 2ª preferida :) mesmo ao lado da Ses Covetes, a Es Trenc é uma excelente escolha)




Es Freue de ses Covetes (fica situada muito próxima às anteriores. idêntica na sua 'fisionomia' mas com algumas pedrinhas na agua)
















Cala Varques (haaa... saudades! É a minha 3ª escolha. Os carros não acedem à praia e se quer lá ir terá que andar uns bons 15 min  a pé por um trilho no meio da floresta. Valerá a pena! Acredite em mim)






Outras nesta zona...
Cala Anguila (muito bonita!)
Cala Mendia
Es Domingos Grans i Petits
S'Estany d'en Mas









Cala Mitjana
Cala Serena









Caló des Moro (adorei esta pequena praia! as águas estavam fantásticas e a paisagem é memorável)






Cala d'Or (é uma praia bastante pequena, de águas claras mas com muitas pessoas no areal)






Cala Gran (Caló Gran) (situada muito próxima da anterior, esta praia tem um arenal maior, no entanto as águas não estavam tão claras como a Cala d'Or)



Outras nesta zona...
Cala Santanyí
Cala Esmeralda (Caló des Corrals)
S'Amarador
Cala s'Almunia (S'Almunia)
Cala Llombards









Platja de Portals Vells II @ Platja del Mago (praia nudista)





CURIOSIDADE
Posidonia Oceanica (uma planta marinha que favorece a transparência das aguas)
O Posidonia Oceanica oxigena intensamente as águas que banham as Ilhas Baleares, filtrando e dando-lhes a transparência tão valorizada por mergulhadores e banhistas.



ACTIVIDADES & TOURS
*********************************************************************************************
Quem usa os meus guias, sabe que não sou nada fã de parques aquáticos mas aqui ficam algumas sugestões:

Marineland @ Calvià
Morada: Costa den Blanes-Calvià
Preço: desde 18,90€/adulto (online) ou 23€/adulto (comprar no parque)

Aqualand de s'Arenal (Aquacity)

Aqualand de Magaluf

Western park, Magaluf

Hidropark, Port d'Alcúdia

Western Park - Calvià - Mallorca


Pode ainda dar um saltinho ao casino e gastar uns tostões...

Aproveitar a atmosfera do casino é uma boa escolha ao longo de todo o ano MAS só para os que querem apenas se divertir sem gastos desmedidos. Elegância, música e emoção acompanha este espaço de entretenimento.
Para quem o visita pela primeira vez, pode entrar de forma gratuita através do preenchimento de um formulário.


E finalmente, as minhas actividades preferidas (pouco dinheiro, mais relaxante e com tempo p/aventura)

Visitar Pollença
Definitivamente das vilas mais bonitas que conheci! Visite-a ao final da tarde e jante numa das praças! Vai adorar as luzes de velas que ficam espalhadas pelas mesas de uma das praças mais pequenas de Pollença.

Caminhada na Sierra de la Tramuntana
Se gosta da Natureza, a Ilha de Maiorca é o lugar perfeito para a prática de caminhadas.
A Sierra de la Tramontana conduzi-lo-á através de uma idílica paisagem natural. Existe a possibilidade de contratar um guia que o levará por estas paragens.
A Serra de Tramuntana é a principal cadeia de montanhas das ilhas Baleares. A montanha está localizada no noroeste da ilha de Maiorca, daí o seu nome, como o vento norte é o vento que vem daquela direção. Ela remonta ao retiro alpino era secundário.
Em junho de 2011, a paisagem cultural da montanha foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

Fazer o percurso entre Palma e Sóller em bicicleta ou de comboio
Se é bastante aventureiro e alugou uma bicicleta, então vá a Sóller! Tem que ter força nas pernas e levar uma garrafa de agua mas é uma experiencia super interessante!
Existe também o passeio de comboio (há pacotes que tem ida de comboio e a volta de barco). O passeio de barco é bonito, mas o de comboio não é aconselhável a quem tem claustrofobia (são muitos tuneis).
Também pode ir:
Carro (Sóller fica a 20 km de carro ao norte de Palma de Mallorca na rota MA-11. Pode conduzir através do túnel do pedágio ou ir até o topo da Soller de Coll. Depois de chegar em Soller, estacione o carro e continue a pé, pois as ruas estreitas da cidade não são favoráveis ​​à condução)
Comboio (O Ferrocarril Sóller sai da Plaza de Palma d'Espanya seis vezes por dia. Os bilhetes são 10,00€ (ida) e 17€ (ida e volta) e podem ser comprados na estação meia hora antes do comboio partir. A viagem de comboio é lenta, levando mais de uma hora, mas é panorâmica, com vistas maravilhosas sobre as montanhas de ambos os lados do túnel.)

No entanto há muitas outras tours e atividades, seja shows, excursões, de comboio ou de barco! Pesquise em:



O Viagens para Forretas propõe outras excursões:



  
NOITE
*********************************************************************************************
Bares:

Garito Club (gostei muito)
Comprometidos com a boa música, pode desfrutar neste local das sessões dos DJ´s residentes, assim como de atuações ao vivo. A comida é fantástica (menu)!! Adoramos :)
Aqui comemoramos o aniversário do meu cavaleiro andante e foi memoravel!
Morada: Dàrsena de Can Barberà
Horário: das 19.00 às 04.30 h.

Robinson Crusoe's
Ideal para beber uma bebida de frente para a praia. Gostei do ambiente.
Morada: C/ General Garcia Ruiz, 2 Megalluf


Barcelona Café Jazz club
Local para desfrutar de música ao vivo, sobretudo do jazz. Boas “tapas” (petiscos) e extensa carta de cervejas.
Morada: Carrer dels Apuntadors, 5
Horário:
Segundas-feiras e Terças-feiras: das 20.30 às 01.00 h
Sextas-feiras e Sábado: das 20.30 às 03.00 h.

Latitude 39
É um bar pequeno e agradável com diferentes tipos de música.
Morada: Calle Felip Bauza, 8

Atlántico Café
Especialistas em “mojitos” (cocktail à base de rum branco originário de Cuba).
Morada: Carrer de Sant Feliu, 12
Horário: das 18.00 às 03.00 h.


Discotecas:

Tito's
Palma

Abraxas
Palma

BCM
Magaluf

Chivas
Port de Pollença
  
Bolero
Cala Rajada



O QUE COMER E ONDE COMER
*********************************************************************************************
Está em Maiorca, então prove o típico “paamb oil” (pão com azeite), “porcella rostida” (leitão assado), “sobrassada” (chouriço) ou a doce “ensaïmada”.
No entanto, pessoalmente, só provei o “paamb oil” e a “sobrassada”. RECOMENDO ambos!!

Restaurantes não faltam! Mas comer bem nem sempre é fácil.
Ficam aqui as minhas recomendações pessoais:

Café Calvari
Fica situado numa das praças que tanto gosto de Pollença!
Aqui bebemos umas cerveja e pedimos umas tapas variadas! A comida estava super agradável. Pagamos 21,10€/ 2pessoas.
Morada: C/ Ombra, 6; 07460 Pollença

Garito Café

Adorei este restaurante/bar.
Comprometidos com a boa música, pode desfrutar neste local das sessões dos DJ´s residentes, assim como de atuações ao vivo. A comida é fantástica (menu)!! Adoramos :)
Aqui comemoramos o aniversário do meu cavaleiro andante e foi memoravel!
Morada: Dàrsena de Can Barberà, Palma Maiorca
Horário: das 19.00 às 04.30 h.


Celler Ca's Brau
Situado em Cala d'Or, este restaurante fica perto da praia (praia de Cala Gran), a comida não é grande coisa mas têm uma sangria divinal (3€/copo)! Das melhores que já bebemos!
Morada: Cala Gran n 7, 07660 Cala d'Or

El Quijote
Situado em Portocolom, numa praça pequena. Um dos restaurantes onde comi melhor! Têm umas tapas fantásticas :)
O jantar ficou por 23,10€/ 2pessoas (inclui 5 cervejas, 5 tapas e cafés).

Kopitiam
BRUTAL! A comida é uma experiência fantástica, os seus sabores, a qualidade,... tudo!! Das melhores comidas que tive a oportunidade de experimentar.
Fica em Soller, muito próximo do centro. A refeição ficou por 33,50€/2 pessoas e incluiu entrada, prato principal e bebida.
Morada: Carrer de sa Lluna, 81; 07100 Sóller






BUEN VIAJE CODICIOSOS!


2 comentários:

Vinicius Buccazio disse...

Ola,

Excelente seu post!

Você ficou o tempo todo hospedado em Santanyi? Eu também quero me hospedar lá, mas queria conhecer as cidades da Serra da Tramuntana. Você ia de carro para estas cidades e voltava para dormir em Santanyi? As distâncias são curtas?

Grato,
Vinicius

Viagens para Forretas disse...

Ola Vinicius,

Antes de mais perdoe-me a demora na resposta.
Sim, fiquei sempre la alojada :) a ilha é relativamente pequena e pode facilmente visitar outros locais e regressar a Santanyi para dormir.

Divirta-se!!

Enviar um comentário